III Encontro do CITCEM

Tipo: Encontro

Local: FLUP - Universidade do Porto

Data: 21 Novembro 2013 24 Novembro 2013

O termo «Paisagem» tem sido ao longo dos tempos, um dos mais ambíguos no vocabulário usual e no vocabulário científico. No entanto, no final do século XX tornou- se suporte de uma das recentes aquisições conceptuais, a Paisagem Cultural. Para compreendê-la, a reflexão aponta-nos o uso preferencial de noções assentes na leitura histórica e antropológica de tudo que foi construído pelo Homem sobre o espaço natural. Deste modo, a constituição da Paisagem em Património convida a perscrutar o tempo, objetivamente avaliado, servindo para reconhecer o passado. A conjugação do tempo com as realidades físicas e materiais, a que devemos acrescentar a subjetividade do observador, ajudam a perceber parte da complexidade do que vulgarmente denominamos como «sistema paisagem», entendendo-se ou procurando percecionar e perceber a conformação do território, tornado transdisciplinar pelas disciplinas que normalmente explicam a paisagem material, tais como as ciências naturais, a arqueologia, a história, a geografia, a arquitetura, entre outras, mas também pelas que abordam perspetivas do imaterial, como a literatura, a antropologia ou a história cultural.

Reconhecer critérios de observação e acolher estratégias de intervenção e de sedução, em busca da harmonia, são algumas das preocupações que queremos debater e aprofundar, intimamente ligadas ao uso e usufruto da paisagem assumida como património, conscientes das mutabilidades urbanas e rurais que exigem atitudes específicas de gestão, de preservação e de valorização. Em contrapartida, a evolução de políticas internacionais faz apelo ao reconhecimento da diversidade, assumida como identitária e cada vez mais como marketing territorial.

Interpretando-se a lógica de transdisciplinaridade do CITCEM, será do maior interesse que as propostas de comunicação incidam sobre campos de abordagem diversos, quer seja na análise e interpretação cronológica da construção milenar da paisagem,quer seja na leitura cultural através das disciplinas explicativas da Paisagem, quer seja através de casos de gestão e valorização de realidades atuais.

Num enfoque que procura articular o passado e o presente, numa perspetiva cronologicamente transversal e geograficamente global, o III Encontro do CITCEM convoca a comunidade científica para um debate transdisciplinar, historicamente orientado sobre a Paisagem, os seus patrimónios, representações, usos atuais e prospetivos. Entre os temas propostos, que serão objecto de análise em painéis temáticos.

PROGRAMA

5ª feira, 21 de NOVEMBRO | Thursday, 21st NOVEMBER  

9h30-11h00 | FLUP - ANFITEATRO NOBRE

9h30 Receção dos Participantes | Reception

10h00 Sessão de Abertura | Opening Session
REITOR da UP / Diretora da FLUP / Diretor da FAUP / DOLMEN / CEAU / CITCEM

10h30 Conferência inaugural | Opening conference: Stefano GIZZI (Soprintendenza per i Beni Architettonici e Paesaggistici delle Marche) [cv] ― Paesaggio architetonico, paesaggio dipinto e paesaggio archeologico nella regione italiana delle Marche: relazioni reciproche e aspetti material e immateriali. [abstract] [paper]

11h00-11h30 | Pausa para café | Coffee break

11h30-13h00 | Sessão Plenária – EXPERIÊNCIAS E REFLEXÕES (I) | Plenary Session – EXPERIMENT AND REFLECTION (I)  Moderador | Moderator: Pedro Alarcão

11h30 | Miguel Angel de La IGLESIA (Universidad de Valladolid) [cv] ― Presencia y ausencia: la comprension del paisaje arqueológico.

12h00 | Teresa ANDRESEN (FCUP) [cv] ― Paisagem: identidade e evolução. [abstract] [paper]

12h30 | DEBATE

13h00-15h00 | Pausa para almoço | Lunch break

15h00-16h30 | Sessões Simultâneas | Simultaneous Sessions | FLUP